Alianças em Ouro e Prata em Lajes / Rio Grande do Norte

Uma joia única para você de Lajes / Rio Grande do Norte

https://www.eternajoia.com.br/aliancas-em-ouro-e-prata-em-lajes-rn

A Eterna Joia, confecciona Alianças em Ouro e Prata e existe para realizar o sonho de todos os casais apaixonados e entregamos as suas alianças aí em Lajes - Rio Grande do Norte. Para quem está namorando ou pretende ficar noivo ou se casar em breve, vai precisar da Alianças em Ouro e Prata perfeita e aqui na Eterna Joia você irá encontrar a aliança ideal desde um modelo mais básico ao mais sofisticado!

A Eterna Joia é especializada em fabricação de alianças de vários modelos em ouro ou prata, você escolhe é nós fabricamos. São anos fabricando Alianças em Ouro e Prata. Todas as nossas Alianças apresentam um alto padrão de qualidade e serão entregues em Lajes - Rio Grande do Norte com todo o cuidado, carinho e segurança. São mais de 1.000 modelos desde um design básico à peças de Luxo. Todas as alianças segue com um certificado de autenticidade e garantia de fabricação que garante 100% a qualidade da joia. Nossa qualidade começa na fabricação, se estende ao atendimento até a entrega em sua cidade Lajes - Rio Grande do Norte. Oferecemos entrega por PAC ou Sedex com Seguro para todo o Brasil.Todas as nossas peças são fabricadas em até 6 dias úteis após a confirmação do pagamento. A Eterna Joia, confecciona as mais lindas Alianças em Ouro e Prata. Todos as alianças fabricadas pela Eterna Joia Alianças em Ouro e Prata possuem o Certificado de Garantia Permanente sobre a autenticidade do ouro 18k 750 ou da prata 925 e das pedras. O certificado cobre qualquer defeito de fabricação. A Eterna Joia possui sua sede na cidade de Franca-SP interior de SP, todos os nossos modelos de alianças estão a venda exclusivamente pela internet, todos os modelos são fabricados sob medida para cada tamanho. Entregamos nossas Alianças em sua cidade Lajes - Rio Grande do Norte ou em qualquer CIDADE e ESTADO do BRASIL com total segurança e rapidez e você receberá sua joia em seu endereço com total segurança.

Conheça um pouco mais sobre  Lajes Rio Grande do Norte:

Gentílico: lajense

Histórico

Lajes Rio Grande do Norte

Histórico
Uma fazenda pertencente a Francisco Pedro de Gomes Melo, no idos de 1825, representou os primeiros sinais de povoamento na localidade.
A localidade de Lajes, por estar estrategicamente situada nos caminhos do sertão, tornou-se um importante ponto de encontro e descanso de boiadeiros e fazendeiros em viagens à procura de negócios, que aproveitavam a parada obrigatória para refrescar o comboio e completar a carga vendida.
No ano de 1914, a estrada de ferro Sampaio Correia chegou à localidade, trazendo com ela
o progresso e impulsionando o desenvolvimento local. Em 25 de novembro do mesmo ano, pela Lei no 360, foi criado o município de Lajes, que na oportunidade incorporou a sede do município de Jardim de Angicos.
O município mudou de nome por força do Decreto no 268, de 30 de dezembro de 1943, passando a ser chamado de Itaretama, que significa região de pedras. Dez anos depois, em 11 de dezembro de 1953, pela Lei no 1.032, retornou ao antigo nome; voltou a ser Lajes.
Gentílico: lajense

Formação Administrativa
Distrito criado com a denominação de Lajes, pela lei municipal, de 26-01-1895, subordinado ao município de Jardim de Angicos.
Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o distrito de Lajes, figura no município de Jardim de Angicos.
Pela lei estadual nº 360, de 25-11-1914, a sede do antigo município de Jardim de Angicos foi transferido para a povoação de Lajes.
Nos quadros do Recenseamento Geral de 1-IX-1920, o distrito de Lajes aparece como sede do município de Jardim de Angicos.
Pela lei estadual nº 572, de 03-12-1923, Lajes é elevado à categoria de município.
Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o município já denominado Lajes é constituído do distrito sede. Não figurando o topônimo Jardim de Angicos.
Assim permanecendo em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937.
Pelo decreto estadual nº 603, de 31-10-1938, são criados os distritos de Jardim de Angicos e Pedra Preta e anexado ao município de Lajes.
No quadro fixado para vigorar no período de 1939-1943, o município é constituído de 3 distritos: Lajes, Jardim de Angicos e Pedra Preta.
Pelo decreto-lei estadual nº 268, de 30-12-1943, o município de Lajes passou a denominar-se Itaretama.
Em divisão territorial datada de 1-VII-1950, o município é constituído de 3 distritos: Itaretama ex-Lajes, Jardim de Angicos e Pedra Pedra.
Pela lei estadual nº 1032, de 11-12-1953, o município de Itaretama voltou a denominar-se Lajes.
Pela lei estadual nº 62, de 21-12-1953, é criado o distrito de Caiçara do Rio do Vento expovoado e anexado ao município de Lajes.
Em divisão territorial datada de 1-VII-1955, o município é constituído de 4 distritos: Lajes, Caiçara do Rio do Vento, Jardim de Angicos e Pedra Preta.
Pela lei estadual nº 2343, de 31-12-1958, é criado o distrito de Jandaíra ex-povoado, criado com terras do distrito de Pedra Preta e anexado ao município de Lajes.
Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído de 5 distritos: Lajes, Caiçara do Rio do Vento, Jardim de Angicos, Jandaíra e Pedra Preta.
Pela lei estadual nº 2755, de 08-05-1962, desmembra do município de Lajes o distrito de Jardim de Angicos. Elevado à categoria de município.
Pela lei estadual nº 2813, 19-01-1963, desmembra do município de Lajes o distrito de Caiçara do Rio do Vento. Elevado à categoria de município.
Pela lei estadual nº 2815, de 19-01-1963, desmembra do município de Lajes o distrito de Pedra Preta. Elevado à categoria de município
Pela lei estadual nº 2971, de 29-10-1963, é criado o distrito de Firmamento e anexado ao município de Lajes
Pela lei estadual nº 3036, de 27-12-1963, desmembra do município de Lajes o distrito de Jandaíra. Elevado à categoria de município
Em divisão territorial datada de 31-XII-1963, o município é constituído de 2 distritos: Lajes e Firmamento.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.

Transferência de sede
Pela lei estadual nº 360, de 25-11-1914, transfere a sede do município de Jardim de Angicos para Lajes.

Alterações toponímicas municipais
Lajes para Itaretama alterado, pelo decreto-lei estadual nº 268, de 30-12-1943. Itaretama para Lajes alterado, pela lei estadual nº 1032, de 11-12-1953.